quinta-feira, 14 de março de 2019

En Santa Luzia do Paruá, descaso na saúde do município leva a população a fazer romaria na casa do Dr. Harolfran


A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas sentadas, mesa e área interna

Já virou rotina. Quando amanhece o dia na residencia do médico Harolfran Melo, já tem gente pelas calçadas, senhoras com crianças, homens e mulheres, em busca de uma consulta ou de uma palavra de esperança,  com o Doutor, o qual eles  tem certeza que vão encontrar para lhes atender.
Assim todas as quintas feiras a casa do Harolfran vira uma verdadeira romaria de pessoas em busca de uma palavra amiga de um médico. 
Entre o desespero e o abandono no setor da saúde do município, a primeira casa que as pessoas se lembra é a casa do velho Harolfran.
E lá está ele,vestido de branco e com seu cabelos também branco, já com a idade avançada, ele sempre está lá sentado na cabeceira de uma grande mesa; uma cena que se repete a 4 décadas. Quase todos ele conhece pelo nome e sabe onde mora.
Cada um conta a sua história, e assim segue o dia inteiro; as vezes chega a entrar pela noite. 
As vezes intempestivo; as vezes brincalhão, mais sempre comprometido com o bem estar da saúde das centenas de pessoas que o procuram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais visitadas