terça-feira, 9 de julho de 2019

Contando com o apoio da Prefeitura Municipal, idosos reúnem-se em conferência que refletiu sobre ‘Os desafios de envelhecer no Século XXI e o papel das políticas públicas”






O Conselho Municipal dos Direitos do Idoso e a Prefeitura de Santa Luzia do Paruá, através da Secretaria Municipal da Assistência Social e Cidadania e o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) realizaram em conjunto a 1ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa nesta terça-feira, dia 09.

Oficializado por meio da formação de mesa para abertura dos trabalhos, participaram por meio de discursos, a Sec. Municipal da Assistência Social Antonia Costa, a Vereadora Novinha, o Presidente do CMDI - Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Flavio Ministro, Orientador Fisico do Grupo a Melhor Idade em Movimento Professor Ítalo, a "oficineira" Andreia Marinho, o Diretor da Escola Carlindo Alves Adenilson Brandão, as "oficineiras" do CRAS e representando todos os idosos, o Sr. Raimundo Maranhão. "Não me contive em emoções, ao ver os resultados da dedicação dos funcionários da Secretaria da Assistência Social que durante todo o dia foram expressas pelo envolvimento e pela animação dos idosos nesta conferência em nosso município", declarou a Vereadora Novinha.
Refletindo sobre a temática ‘Os desafios de envelhecer no Século XXI e o papel das políticas públicas”, os idosos lotaram a Câmara Municipal e, foram distribuídos em 4 eixos de discussões ou grupos que analisaram e elaboraram propostas para conferência estadual. Foram debatidos sobre 'Os Direitos Fundamentais na Construção/Efetivação das Políticas Públicas'; 'Educação: assegurando direitos e emancipação humana'; 'Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa'; 'Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas'. “As participações dos idosos neste evento são de suma importância para uma democratização justa das decisões do poder público, a fim de que as necessidades e demandas dos idosos sejam realmente aquelas que devem entrar na agenda pública”, declarou a Assistente Social Cristiane Lobato.



De acordo com orientações do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso, o evento em escala local tem como objetivo avaliar a implementação das políticas públicas e propor diretrizes para os próximos dois anos, quando haverá novas plenárias de reflexão. Como é de praxe em evento do tipo, foram eleitos delegados que representarão o município nas conferências estaduais e nacional. "Sinto-me feliz pela participação de todos, em ver que muitas pessoas idosas ou lideranças comunitárias que apoiam nossas causas, vieram para discutir e colaborar com as ações realizadas para os idosos”, finalizou a Secretária Municipal da Assistência Social Antônia Costa.

Foram escolhidos como titulares para conferência estadual o "Sr. Doda" e o Presidente do CMDI Flávio Ministro, e os nomes de "Dona Rosária" e Professora Josefa foi dado o status de suplentes, sendo ambos representantes da sociedade civil organizada e do poder público, respectivamente. PARABÉNS! Seguem fotos:


















































































Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais visitadas